Dicas

Como curar ressaca de forma eficiente

A noite foi boa, mas você exagerou e acordou com uma forte dor de cabeça, enjoo, tontura, dor de estômago e qualquer som ou luz está incomodando? Os sintomas da ressaca podem durar um dia inteiro. Contudo, existem algumas dicas que podem ajudá-lo a curar ressaca.

 

  • Dormir nunca é demais

Dormir é um santo remédio para curar ressaca. O excesso de álcool sobrecarrega o organismo como um todo e, nesses momentos, horas de sono ajudam a recompor o funcionamento do corpo.

 

  • Sucos cítricos

Suco de laranja, limão, tangerina ou abacaxi, por exemplo, são capazes de “consertar” o estômago. A frutose, açúcar presente nas frutas, ajuda a metabolizar o excesso de álcool no sangue.

 

  • Muita água

Beber água é fundamental para o processo de recuperação, porque o álcool desidrata o organismo. A dica é tomar pequenos goles por vez e dar preferência à água gelada, que é mais aceita no caso de enjoo e vômito.

 

  • Nada de café

Ao contrário do que se pensa, o café não ajuda na ressaca. O corpo precisa nessa hora é de recuperação, e a cafeína tende a retardar o processo e aumentar a dor de cabeça.

 

  • Escolha bem os remédios

Nem todos os remédios são bem-vindos. É melhor ficar longe de analgésicos à base de Paracetamol e riscar da sua lista os medicamentos com Ácido Acetilsalicílico (AAS) em sua composição. Assim como o café, eles retardam o processo de recuperação do organismo. Para aliviar as dores de cabeça, a pedida é apostar nos remédios com Ibuprofeno, que são anti-inflamatórios não esteroides e agem contra dor, febre e inflamação.

 

  • Comer, comer

Ao contrário do que se pensa, comer ajuda a combater o enjoo e os vômitos. Prefira alimentos leves e de fácil digestão. A banana, por exemplo, é uma ótima opção. O potássio estimula o estômago a produzir mais muco, o que acaba protegendo contra a ação do suco gástrico. Além disso, a alimentação aumenta os níveis de glicose do organismo, fundamental no processo de recuperação.

 

 

Seguindo essas dicas, sua recuperação vai ser mais rápida. O ideal, porém, é evitar a ressaca. Para isso, alimente-se bem antes do consumo de bebidas alcoólicas e beba água.